Brasil fica entre os melhores do julgamento morfológico da ExpoFICCC

AS Malke Punhalada, de José Schwanck, foi escolhida a Grande Campeã entre as fêmeas – Foto:Felipe Ulbrich

A representação brasileira no julgamento morfológico da Exposição da Federação Internacional de Criadores de Cavalos Crioulos (ExpoFICCC) garantiu importantes premiações entre os grandes campeões. AS Malke Punhalada, de José Schwanck, foi escolhida a Grande Campeã entre as fêmeas enquanto Esquivado Cala Bassa e Dinastia Cala Bassa, de Marcelo Móglia, ficaram com os prêmios de 3º Melhor Macho e 4ª Melhor Fêmea. A relação de vencedores brasileiros ainda teve o expositor Paulo Brittes, com o garanhão importado Guachigo No Te Achiques, o Reservado Grande Campeão.
A decisão dos grandes campeões da mostra ocorreu na noite de 28 de março, na pista central do parque da Sociedade Rural de Buenos Aires, na Argentina. O julgamento se deu a cargo de Gustavo Aguerre, com a presença de grande público lotando as arquibancadas do local.
Confira o resultado
Fêmeas
Grande Campeã e Campeã Égua Adulta
AS Malke Punhalada, filha de BT Jurado e Farofa do Itapororó; criador e expositor José Schutz Schwanck, Cabanha Malke, Uruguaiana/RS
Reservada Grande Campeã e Reservada Campeã Égua Adulta
Cinco-Ar Valda, filha de Cinco-Ar Senecio e Del Oeste Gambeta; criador e expositor Tresarg S. A., cabanha Don Antônio
3ª Melhor Fêmea e Campeã Égua Menor
Guachigo Hilacha, filha de Guachigo No Te Achiques e Ballenera Tradicion; criador e expositor Felipe Amadeo Lastra, cabanha El Jarro
4º Melhor Fêmea e Campeã Potranca Maior
Dinastia Cala Bassa, filha de Piraí 1569 do Brazão e Evita Cala Bassa; criador e expositor Marcelo Rezende Móglia, Cabanha Cala Bassa, Bagé/RS
Machos
Grande Campeão e Campeão Potranco Maior
Yancamil Cahuel, filho de Yanca Bandoneon e Yancamil Villaman; criador Horácio Daniel Ferrari S. A. e expositor Yancamil S. A., Cabanha Yancamil
Reservado Grande Campeão e Campeão Cavalo Adulto
Guachigo No Te Achiques, filho de Calfiao Pandillero e Ballenera Lola Clavijo; criador Felipe Amadeo Lastra e expositor Paulo Camboim Brittes, cabanha D’los Brittes, Barra do Ribeiro/RS
3º Melhor Macho e Campeão Potranco Menor
Esquivado Cala Bassa, filho de Piraí 1569 do Brazão e Favorita Cala Bassa; criador e expositor Marcelo Rezende Móglia, cabanha Cala Bassa, Bagé/RS
4º Melhor Macho a Campeão Cavalo Adulto
Del Oeste Fierro, filho de Del Oeste Mutante e Del Oeste Figurita; criador e expositor La Esperanza de Ballester, cabanha La Esperanza

Brasil mantém hegemonia no Freio de Ouro da FICCC

Vitória na categoria fêmeas foi de Capanegra Oña Guinda, de propriedade de Fernando Pons, da cabanha Capanegra, de Bagé (RS) – foto: Felipe Ulbrich

A bandeira do Brasil mais uma vez encerrou no lugar mais alto do pódio em um evento internacional. Na disputa do Freio de Ouro da Federação Internacional de Criadores de Cavalos Crioulos (FICCC), os criadores brasileiros comemoraram a conquista de seus animais e celebraram a integração e o intercâmbio proporcionado pela raça. Na decisão da prova, realizada no início da noite de 27 de março na Sociedade Rural de Buenos Aires, na Argentina, Capanegra Oña Guinda e RZ Revuelto Cristal da Carapuça ficaram com os principais prêmios.
Em uma disputa vibrante, que emocionou o público que se fez presente em grande número, lotando as arquibancadas do pavilhão, os competidores deram um verdadeiro espetáculo de beleza e funcionalidade. Consolidando ainda mais a integração entre os países selecionadores da raça, a prova foi julgada por um trio formado pelo uruguaio Felipe Malfato, o argentino Ricardo Matho e o brasileiro Mário Suñe.
Mantendo o equilíbrio e com uma performance constante, desde as primeiras etapas, a vitória na categoria fêmeas foi de Capanegra Oña Guinda, de propriedade de Fernando Pons, da cabanha Capanegra, de Dom Pedrito (RS), montada por Roberto Carlos Ferraz Duarte. Nos machos, o vencedor foi RZ Revuelto Cristal da Carapuça, montado por Daniel Teixeira e exposto por Luizantero Peixoto e Vitélio Rigão, respectivamente da Fazenda Tarumã, de Julio de Castilhos (RS), e da Estância da Conquista, de Lavras do Sul (RS), que disputou em Buenos Aires a sua segunda ExpoFICCC.
Além desses, também garantiram a vaga na final do Freio de Ouro brasileiro as fêmeas Jotace Tranca, Divisa De Los Campos e Sananduva do Salton, assim como os machos Balaqueiro do Nonoai, o argentino Melideo Fugitivo e Harmonia Temprano.
Para Malfato, o nível da disputa foi equivalente ao brilho da festa proporcionada pelos anfitriões. O uruguaio salientou a atuação inédita de um trio de jurados com um integrante de cada país em uma disputa de Freio de Ouro e salientou as qualidades dos campeões. “O cavalo é um animal extraordinário, muito parelho, sério e maduro. E a égua nos chamou a atenção por mostrar em todas as etapas que estava sobrando”, diz.
Ricardo Matho afirmou que foi um desafio e uma responsabilidade muito grande julgar uma prova de tamanha qualidade, tanto nos machos quanto nas fêmeas, ainda que estas estivessem em um nível mais alto. “Agradeço a oportunidade à ABCCC, que me formou como jurado”. Finalizou.
Suñe pontuou que considera o Freio da FICCC uma prova única por reunir o melhor da produção de que cada país membro. “Os vencedores tiveram muito mérito pois a disputa teve alto nível, com destaque à fêmea pela prova mais acirrada”, comentou o jurado. Para o brasileiro, a disputa mostrou ainda que os demais países têm condições de trabalhar e competir em igualdade com o Brasil já que estão empenhados em qualificar a sua seleção funcional.
Campeões  comemoram
Cumprimentos, abraços, choro. A comemoração pelos resultados finais do Freio de Ouro uniu os países participantes em uma celebração à raça. Para Enrique Tronconi, presidente da Associação Argentina de Criadores, o mais importante foi a integração entre os países. “Podemos falar castelhano, português ou guarani, e nos entendemos. O importante é que compartilhamos o mesmo gosto, a mesma forma de viver e montamos o mesmo cavalo”, diz.
Reforçando as palavras do gestor argentino, José Luiz Laitano, presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) comentou que “mais importante do que a vitória ou não é estarmos juntos aqui, compartilhando experiências e falando de cavalos”.
E o clima de confraternização contagiou os criadores presentes, principalmente quem saiu premiado da pista. Exaltando a conquista de Oña Guinda, o administrador da cabanha Capanegra, José Francisco de Moura, destacou a origem e a história do animal. “A mãe dela é a base da cabanha e classificou quatro filhos no ano passado”, analisou, ressaltando também que o nível dos adversários valorizaram ainda mais a sua vitória.
Emocionado, Roberto Ferraz Duarte lembrou da história de 11 anos de trabalho na cabanha, falou sobre o animal e sobre o que representou o prêmio internacional. “Ela é um animal de muito boa cabeça e fez aqui o que fez no Freio. O prêmio foi um presente para mim e para a família que está torcendo em casa. Estou com 49 anos e espero que até ela me dê outro presente de 50 no Freio”. Duarte foi escolhido o Ginete Destaque da categoria enquanto que, nos machos, o prêmio foi para Cézar Augusto Freire.
Uma das torcidas mais animadas da prova incentivou RZ Revuelto Cristal da Carapuça do início ao fim. A família de Luizantero Peixoto, proprietário do animal junto de Vitélio Rigão, encerrou o dia erguendo ao lado do cavalo as bandeiras do Brasil e da cabanha. “Ele amadureceu muito e ratificou a sua qualidade funcional. Esse cavalo já foi chamado de vários apelidos e hoje ganhou outro: mister FICCC, pela sua participação em duas edições”, diz Peixoto, cuja família mobilizou dois ônibus até Buenos Aires.
Daniel Teixeira, ginete que montou Revuelto Cristal, salientou que em todas as saídas do cavalo, sempre voltou para casa com prêmios. “Ele se manteve numa constante, equilibrado. Tem um temperamento muito bom, não tem lesões, descansou desde o Freio e tem só quatro meses de trabalho. Isso foi importante para ele. Além disso, é um cavalo que tem estrela”.
Confira o resultado
Fêmeas
Freio de Ouro FICCC
Capanegra Oña Guinda, filha de Mackenna Guindo e Capanegra Alegria; criador e expositor Fernando Dornelles Pons, Cabanha Capanegra, Dom Pedrito/RS – Brasil
Ginete: Roberto Carlos Ferraz Duarte
Nota: 21,194
Freio de Prata FICCC
Jotace Tranca, filha de Jotace João Balaio e Jotace Lamparina; criador João Juraci Cantarelli e expositor cabanha Jotace e Estância Eldorado, Barra do Quaraí/RS – Brasil
Ginete: Raul Lima
Nota: 20,983
Freio de Bronze FICCC
Divisa De Los Campos, filha de Mackenna Guindo e AS Malke Mimosa; criador e expositor Aldo Vendramin, Estância Vendramin, Palmeira/PR – Brasil
Ginete: Fábio Teixeira da Silveira
Nota: 20,863
4º Lugar FICCC
Sananduva do Salton, filha de AS Malke Cartucho e Setária do Rincão do Barreto; criador e expositor Paulo Murilo Barreto Dias Lopes, cabanha Salton, Dom Pedrito/RS – Brasil
Ginete: Márcio Maciel
Nota: 20,601
Machos
Freio de Ouro FICCC
RZ Revuelto Cristal da Carapuça, filho de Chicão de Santa Odessa e BT Abadessa; criador Rubens Elias Zogbi e expositor Luizantero Pimenta Peixoto e Vitélio Rigão,Fazenda Tarumã e Estância da Conquista, de Júlio de Castilhos e Lavras do Sul/RS – Brasil.
Ginete: Daniel Marim Teixeira
Nota: 21,306
Freio de Prata FICCC
Balaqueiro do Nonoai, filho de SBT Custódio e Etiqueta Tambaé; criador Fábio Vaccaro e expositor Condomínio Balaqueiro, cabanas Santa Luzia e Turra, Nonoai/RS – Brasil
Ginete: Cezar Augusto Shell Freire
Nota: 20,199
Freio de Bronze FICCC
Melideo Fugitivo, filho de Melideo Antifaz e Melideo Capucha; criador Carlos Felipe Tronconi e expositor El Socorro S. C., cabanha El Socorro – Argentina
Ginete: Pedro Móglia
Nota: 19,867
4º Lugar FICCC
Harmonia Temprano, filho de Ganadero da Harmonia e Coral Sombra; criador e expositor Harmonia Agricultura e Pecuária, cabanha Harmonia, Santa Vitória do Palmar/RS – Brasil
Ginete: José Fonseca Macedo
Nota: 18,934

Imagens Gaúchas ultrapassa 13 mil downloads

A revista fotográfica Imagens Gaúchas, ultrapassou esta semana a marca dos 13 mil downloads para tablets e smartphones. Única no gênero nos pais, a revista, produzida pelo jornalista e fotógrafo Marcus Tatsch, é a primeira publicação que fala sobre o Rio Grande do Sul, sua cultura e o Cavalo Crioulo com aplicativo para dispositivos móveis. “Ela pode ser baixada gratuitamente no tablet e no smartphone em qualquer lugar do mundo”, disse Tatsch.

E os números da revista surpreendem ainda mais, pois ela já tem mais de 60 mil leituras, 523 mil páginas lidas e três mil horas de leitura. “Alem disso, a Imagens Gaúchas já foi baixada em mais de 60 países do mundo. Depois do Brasil, o campeão de downloads é os Estados Unidos”, revelou Tatsch.

Para baixar a revista basta procurar o aplicativo Imagens Gaúchas, na Apple Store, GooglePlay ou Amazon Store. Ou acessar o site www.imagensgauchas.com.br e clicar nos ícones dos sistemas operacionais.

PL Delfino Carvalho comemora 30 anos


O Pl Delfino Carvalho comemora seus 30 anos de atividades no tradicionalismo neste sábado com um jantar baile no CTG Tropeiros da Lealdade. No jantar será servido churrasco e o baile será animado pelo grupo Alma Gaúcha. Durante o evento, todos os patrões do Piquete serão homenageados. Os ingressos para o jantar custam R$ 20,00 e somente para o baile R$ 10,00

Última semana para se inscrever no Bocal de Ouro

Os candidatos que pretendem disputar o Bocal de Ouro ou a Expo Outonal têm mais uma semana para confirmar presença nas competições. As inscrições ficam abertas até o dia 30 de março e podem ser feitas através dolink Inscrições, no site da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC). As seletivas estão marcadas entre os dias 7 e 12 de abril e serão realizadas no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio/RS.

A decisão entre os inéditos contará com a participação dos 96 conjuntos – 48 machos e 48 fêmeas – mais bem colocados no ranking que reúne aqueles que estão estreando nas seletivas do Freio neste ciclo. Dos candidatos que entrarem em pista, os oito melhores garantirão também vaga na final da modalidade, programada para ocorrer junto à Expointer 2015.

A avaliação do desempenho das fêmeas ficará a cargo do trio formado por Carlos Loureiro de Souza, Eduardo Móglia Suñe e Francisco Martins Bastos Sobrinho. Jorge Rosas Demiate Júnior, Vinícius Guedes Freitas e Luiz Martins Bastos Neto terão a responsabilidade de julgar o grupo de machos em pista.

Já a Expo Outonal, prova que tem status de semifinal da modalidade, selecionará até oito exemplares para competir na Morfologia da Expointer. O julgamento e a ordenação das filas da mostra Passaporte ficarão sob a responsabilidade de Leandro Amaral.

Os valores para participar variam de acordo com a prova e podem ser conferidos em nosso site no momento da inscrição. Criadores associados tem desconto. Para mais informações entre em contato através do e-mail eventos@abccc.com.br ou pelo telefone (53) 32841450.

 

Confira a programação:

 

7/4/2015 (terça-feira)

12h Término da Entrada dos Animais da Expo Outonal

14h Concentração de Machos

16h Início do Exame de Admissão Expo Outonal e Bocal de Ouro

19h Encerramento do Exame de Admissão da Expo Outonal

 

8/4/2015 (quarta-feira)

08h Início do julgamento da Expo Outonal

13h Continuação do julgamento da Expo Outonal e Grande Campeonato

18h Entrega de Prêmios da Expo Outonal

18h Encerramento da entrada dos animais do Bocal de Ouro

18h Continuação do Exame de Admissão do Bocal de Ouro

20h Encerramento do Exame de Admissão do Bocal de Ouro

21h Remate

 

9/4/2015 de abril (quinta-feira)

09h Julgamento Morfológico do Bocal de Ouro – Fêmeas

14h Julgamento Morfológico do Bocal de Ouro – Machos

21h Remate

 

10/4/2015 (sexta-feira)

08h Andaduras / Figura / VSP- Esbarradas (Fêmeas)

13h Andaduras/ Figura/ VSP- Esbarradas (Machos)

21h Remate

 

11/4/2015 (sábado)

08h Julgamento Prova de Mangueira (Fêmeas e Machos)

14h Julgamento Prova de Campo (Fêmeas e Machos)

21h Remate

 

12/4/2015 (domingo)

09h Fase Final Bocal de Ouro (Mang/Bayard-Sarmento/Campo)

12h Encerramento e entrega de prêmios do Bocal de Ouro

21h Remate

ATC começa a formatar Semana Farroupilha 2015

A Associação Tradicionalista e Cultural de Cachoeira do Sul (ATC) começou a formatar a 52ª Semana Farroupilha de Cachoeira do Sul, que deverá acontecer entre os dias 11 e 20 de setembro. A Semana Farrapa é o maior evento de Cachoeira do Sul e neste ano deverá ser maior ainda, segundo o presidente da ATC Fábio Garim. Em parceria com CTGs e piquetes a ATC tem trabalhado para desenvolver uma programação diferenciada para 2015. Uma das idéias para o evento seria promover uma missa crioula na Igreja da Matriz, onde dezenas de cavalarianos se reuniriam dia 11 para depois seguir para a solenidade de Abertura da Festa, que deverá ocorrer no CTG Tropeiros da Lealdade, com organização do PL Delfino Carvalho.

Outra novidade para este ano é a parceria com CDL e Cacisc, que organizariam uma ronda no dia 15 de setembro e mobilizariam o comercio local para fazer uma decoração especial para a Semana Farroupilha, além de criar promoções especiais neste período. “O ingresso do comércio na Semana Farroupilha é vantajoso para todos, pois ajuda a mobilizar a comunidade e pode gerar melhores vendas para as lojas, que oferecerão descontos”, disse Garim.

Desfile noturno – Para integrar ainda mais o comércio haverá um desfile noturno pela Rua Júlio de Castilhos, onde as lojas poderão formar grupos para o desfile, caracterizados com os temas da Semana Farroupilha. Garim explica que o desfile noturno também é uma forma de valorizar as invernadas artísticas do CTG, que no dia 20 de setembro sempre desfilam em caminhões. “No desfile noturno, as invernadas irão a pé, e poderão fazer suas apresentações na rua, embelezando mais ainda o desfile e valorizando os jovens”, disse o presidente.

 

Tropeada – Para reviver os velhos tempos a ATC também promoverá uma tropeada, onde uma comitiva irá conduzir uma tropa de cerca de 60 bovinos de Candelária a Cachoeira do Sul. A tropeada deverá sair da localidade de Bom Retiro, em Candelária e percorrer cerca de 40 quilômetros pelas estradas do interior até o Parque de Eventos Estância de São Pedro, no Capão da Cruz, onde ocorrerá o rodeio crioulo. “Esta atividade visa mostrar aos jovens como eram as tropeadas de antigamente”, explicou Garim.

 

Atenção

A programação da Semana Farroupilha de 2015 ainda dever sofre algumas alterações e ajustes até setembro.

 

 

Programação

 

Dia 29 de Agosto – Lançamento da 52ª Semana Farroupilha de Cachoeira do Sul – CN Estância da Tradição – Três Vendas

Dia 11/09 – Abertura oficial da 52ª Semana Farroupilha de Cachoeira do Sul – PL Delfino Carvalho

12/09 – Fandango CTG Lanceiros do Sul

12 e 13/09 – Rodeio Crioulo – Parque de Eventos Estância de São Pedro

14/09 – Ronda da Câmara de Vereadores e Celetro.

15/09 – Ronda do Comércio e Entrevero da Canção Estudantil

16/09 – Desfile Temático Noturno

17/09 – Ronda CTG os Gaudérios e Fandango do CTG Tropeiros

18/09 – Ronda CTG Estância do chimarrão e Fandango no CTG os Gaudérios

19 – Ronda CTG Tropeiros da lealdade e Fandango no CTG Tropeiros da lealdade e CTG Os Gaudérios

20/09 – Desfile do Dia do Gaúcho.

 

 

Farrapo da Maior vence Credenciadora de Cachoeira do Sul

Farrapo da Maior, com Daniel Teixeira ficou em primeiro entre os machos.

O circuito do Freio de Ouro 2015 levou a beleza e a funcionalidade do cavalo Crioulo à Cachoeira do Sul, na região central do Rio Grande do Sul. O município, que ostenta o título de Capital Nacional do Arroz, reuniu criadores da raça entre os dias 13 a 15 de março quando sediou Credenciadora Mista da seletiva. A disputa teve a participação de 11 machos e oito fêmeas, avaliadas pelos jurados Lucio Rigon Stacowski, Marco Antonio Stumpf e Telmo Ferreira. A organização esteve a cargo do Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos de Cachoeira do Sul.

 

Resultado (ainda não homologado pela ABCCC)

 

Fêmeas

1º Lugar

Guapuruma Lanilla; expositor André Luiz Narciso Rosa, Estância Guapuruma, Navegantes/SC

Ginete: Lindor Collares Luiz

Nota: 18,410

 

2º Lugar

Campana Usura; criador Mário Móglia Suñe e expositor Gianmarco Costabeber, Cabanha Paillon, Cachoeira do Sul/RS

Ginete: Daniel Waihrich Marim Teixeira

Nota: 17,636

 

3º Lugar

El Tropillero Escaramuça; expositor Péricles P. Druck e Paulo Roberto Souto, Estância da Quinta e El Tropillero, Rio Pardo/RS

Ginete: Madison Fagundes da Silva

Nota: 16,835

 

4º Lugar

Madona dos Três Pinhais; expositor Rogerio Bronzatto e Vilson Aozane Bilibio, Fazenda Três Pinhais, Cruz Alta/RS

Ginete: Jardel Bronzatto

Nota: 16,797

 

Machos

1º Lugar

Farrapo da Maior; expositor André Ricardo Souto Maior, Cabanha Maior, Painel/SC

Ginete: Daniel Waihrich Marim Teixeira

Nota: 19,089

 

2º Lugar

Palmas de Peñaflor Potentado; expositor Valdecir Souza de Lima, Cabanha Sessenta Seis, Caxias do Sul/RS

Ginete: Iuri Pescador Barbosa

Nota: 18,634

 

3º Lugar

Farrapo do Morro Chato; expositor Valmor Cardoso e Filhos, Cabanha Três Corações, Gramado/RS

Ginete: José Fonseca Macedo

Nota: 17,324

 

4º Lugar

Yguero Contra Ponto; expositor Vladimir Wollmeister, Cabanha Yguero, Carazinho/RS

Ginete: Diogo Wollmeister

Nota: 16,560

 

Fonte ABCCC

Números de 2014 consolidam crescimento da raça Crioula

Mais uma vez os números do cavalo Crioulo comprovam que a raça consolida um crescimento em todo o país. Em 2014 a manada de animais cresceu 7,3% em relação ao ano de 2013, chegando a um plantel de 377.983 equinos em todo o território brasileiro.

Mesmo com a predominância no número de animais no Sul do Brasil, percentualmente todas as regiões do país tiveram crescimento, algumas acima da média nacional, como o Centro Oeste, com 12,3%. O Nordeste teve uma alta de 8,1% enquanto o Sul teve os mesmos 7,3% da média do Brasil e o Sudeste fechou em 6,8%. A região Norte teve aumento de 3,9% na manada de cavalos Crioulos.

Segundo o presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), José Luiz Lima Laitano, este crescimento se deve ao aumento da exposição da raça em eventos nas regiões de fomento, trabalho iniciado ainda na gestão anterior da entidade. “Nós começamos a realizar mais eventos, como os passaportes da Morfologia, além da criação de novos núcleos de criadores. Isto vai mostrando o cavalo nestas regiões e atraindo novos interessados”, avalia.

Este resultado também pode ser mensurado no incremento de 8,1% no faturamento no ano de 2014. Dados divulgados pela ABCCC mostram que as vendas no ano passado chegaram a R$ 198 milhões ante os 183,1 milhões de 2013, e atingiram novo recorde na raça Crioula. Deste total foram R$ 105,66 milhões em leilões e R$ 92,34 estimados em vendas particulares. “Foi um número excepcional. Ninguém no mercado conseguiu crescer 8% no ano passado. O mais importante foi a liquidez no ano, com o aumento no volume de vendas. Temos novos criadores e usuários acreditando na raça”, salienta Laitano.

No ciclo de 2014, mais de 20,6 mil animais participaram de 624 eventos promovidos e incentivados pela ABCCC. O objetivo para 2015, conforme o presidente da entidade, é manter este crescimento apostando na realização de eventos maiores. Algumas das principais provas da raça serão realizadas no estado de São Paulo como uma das classificatórias abertas ao Freio de Ouro e a final do Rédeas de Ouro. Também será foco a introdução de novas modalidades nos circuitos da raça, como o Ranch Sorting.

Na parte administrativa, os principais planos são a abertura do escritório da ABCCC no Parque da Água Branca, na capital Paulista, com o objetivo de facilitar o atendimento aos criadores do centro do país, além da remodelagem do espaço do cavalo Crioulo no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS).


Argentina conclui a primeira semifinal do Freio de Ouro em 2015

Nas fêmeas, Golilla Sucarita, com o ginete Marcelo Pauwels. ficou na primeira posição. (foto:Fagner Almeida)

Um julgamento binacional e 28 conjuntos abriram o circuito de classificatórias do Freio de Ouro neste ano. E depois de três dias, Jesus Maria, na província de Córdoba, mostrou que a Argentina está no caminho certo para evoluir dentro do Freio de Ouro. E no espetáculo no qual a seleção dos melhores cavalos é a protagonista, a raça mostra que é capaz de fortalecer ainda mais os laços entre brasileiros e argentinos que deixam claro que nas arenas Crioulas, não há espaço para rivalidade.
Nas fêmeas, Golilla Sucarita, com o ginete Marcelo Pauwels. ficou na primeira posição. Já nos machos, Lonqueo Coli Leuvu, montado pelo ginete Artur Silveira. Os conjuntos levaram o campeonato do “Freno de Oro” argentino do ano. Na semifinal que começou no dia 4 e foi finalizada no dia 6 de fevereiro, inicialmente 16 fêmeas e 12 machos entraram em pista determinados a mostrar o seu melhor aos olhos do trio de jurados formado pelos brasileiros Rodrigo Py e Jorge Rosas Demiate Júnior e o argentino Carlos Cattani. Já a supervisão técnica ficou sob a responsabilidade de Frederico Araújo.
Na competição organizada pela Associação de Criadores de Cavalos Crioulos da Argentina (ACCC), com o apoio da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) a classificação para a final em Esteio/RS durante a Expointer não veio, mas serviu, sobretudo, para apontar a tendência crescente no país sob as cores azul e branco: a profissionalização de seus ginetes e do interesse no investimento em treinamento dos animais.
Como já é de costume, a alternância de posições marcou presença do início ao fim da competição. No conjunto de participantes figuraram ainda duas classificadas em 2014 que voltaram ao ciclo novamente: Golilla Sucarita e Tranqueadora Hasta Luego que em 2015 levaram o primeiro e o segundo lugares respectivamente. Na dianteira das fêmeas, a arrancada na avaliação morfológica saiu com a égua Tirador Catarata. Já nas andaduras Tranqueadora Hasta Luego encerrou o primeiro dia na frente. Porém, no teste com gado foi Golilla Sucarita quem se saiu melhor e finalizou no segundo dia na frente.
Entre os garanhões, Malarriado Velero puxou a fila na morfologia, mas nas andaduras, Capanegra Martin Fierro foi quem fez mais bonito. Porém, na quinta-feira Lonqueo Coli Leuvu conseguiu as melhores placas no aparte e na pechada assumindo a liderança, que chegou a voltar para Martin Fierro, mas que não conseguiu mantê-la. Na sexta-feira mais trocas de posições agitaram as expectativas na arquibancada.
De acordo com o jurado Jorge Rosas Demiate Júnior os conjuntos conseguiram se sair bem apesar das condições difíceis da arena, ainda bastante pesada para as corridas. “Fêmeas de muito boa morfologia e muita qualidade de aprumos, com destaque para as duas primeiras colocadas”, pontua. Questionado sobre o desempenho dos garanhões o avaliador ressaltou principalmente as características do primeiro lugar: “Um cavalo muito bem conduzido e com muita aptidão vaqueira”, completa.
Para o presidente da ACCC, Enrique Tronconi, o que foi visto em Jesus Maria foi o excelente resultado de todo o empenho em transportar a seletiva que era originariamente realizada em Palermo e que em virtude dos preparativos para a ExpoFICCC precisou ser realizada em novo endereço, mas que ainda assim superou as expectativas. “Foi uma prova muito boa, tivemos contratempos, no caso o clima e a mudança para o interior do país.  Mas isso mostra que ela pode ser realizada em todos os lugares”, declara.
Sem rivalidade, no Freio todos se unem para crescer
Criador de cavalos Crioulos há cerca de sete anos, Gustavo Rolon, da Cabanha Quilla Hue, conta o seu fascínio pela modalidade que o fez ingressar na área da seleção da raça multifuncional. Porém, para ele não basta apenas ter um criatório, Rolon quer ver seus animais fazendo bonito na pista do Parque Assis Brasil. Para isso, ele vem investindo fortemente na qualificação de sua mão de obra que utiliza o conhecimento dos brasileiros para mostrar à equipe de seu Centro de Treinamento o caminho até decisão em solo verde e amarelo.
Além de estar sempre em contato com outros crioulistas e visitar os eventos do Brasil, até agora já foram colocados na bagagem diversos cursos de doma, manejo e treinamentos para o Freio. Tudo para que seus próprios ginetes levem seus animais rumo à busca pelo título. Entre os intercâmbios de conhecimentos, as colaborações já obtidas incluem auxílio de nomes como Cláudio Ruas e Pedro Moglia, por exemplo.
Neste ano, a consultoria especializada no Freio de Ouro está a cargo de Cláudio Fagundes. “Estamos bem, já temos noção pelos bons frutos”, diz Rolon ao comentar estar muito satisfeito com a parceria internacional e por todo o apoio recebido pelos brasileiros, tanto que completa: “Hoje em dia minha cabana está voltada 100% para o Freio e os resultados estão aí à vista”, enfatiza.
Do lado brasileiro, o criador Pedro Moglia fala que quando o assunto é Freio de Ouro não há concorrências internacionais. Pelo contrário, a cada dia a seletiva cresce junto aos hermanos que buscam com mais frequência a profissionalização de seus ginetes e a preparação de seus animais com a ajuda das mãos que criaram o Freio de Ouro.
Com experiência no assunto, Moglia – que atualmente assessora uma cabana e um centro de treinamento na Argentina – reforça o quanto é gratificante poder passar os seus conhecimentos adiante para fortalecer os argentinos para auxiliá-los a conseguir chegar lado a lado na final da raça. “No Freio de Ouro não há rivalidade. Os ginetes no Brasil se ajudam e tu sair do teu país para colaborar com o outro na prova é muito gratificante”, frisa.
Confira o resultado
Fêmeas
1º Lugar
Golilla Sucarita; criador e expositor Juan Victor Tronconi Ballester; Cabanha Las Mulitas,  Buenos Aires/Argentina
Ginete: Marcelo Pauwels
Nota: 17,991
2º Lugar
Tranqueadora Hasta Luego, criador e expositor Daniel Casin Florencio; Cabanha Don Florencio Buenos Aires/Argentina
Ginete: Horacio Casin
Nota: 17,823
3º Lugar
Guarani Favorita, criador e expositor Ricardo Matho Meabe; Cabanha Yajha Catu, Corrientes/Argentina
Ginete: Ruben Veron
Nota: 17,138
4º Lugar
Tres AR Boleada, criador e expositor Marcelo Argueles; Cabanha Don Antonio, Buenos Aires/Argentina
Ginete: Nicolas Merigo
Nota: 16,951
Machos
1º Lugar
Lonqueo Coli Leuvu, criador Daniel Valentin Cimolai,  expositor Cimolai Leal; Las Leales/ Lonqueo; Neuquen/Argentina
Ginete: Artur Silveira
Nota: 17,351
2º Lugar
Capanegra Martin Fierro, criador Fernando Dornelles Pons, expositor Argentina Wagyu Beef S.A., Cabanha La Consentida, Buenos Aires/Argentina
Ginete: Marcelo Segura
Nota: 16,965
3º Lugar
Tranqueador Mariscal, criador Daniel Casin Florencio, expositor Juan Jose Barreneche; Cabanha Los Vascos, Córdoba/Argentina
Ginete: Horacio Casin
Nota: 16,608
4º Lugar
Labra Trovador, criador e expositor S.A. Bartolome Ginocchio e Hijos e Cia Ltda; Cabanha La Brava, Buenos Aires/Argentina
Ginete: Juan Segovia
Nota: 16,374

2º Redomão Dom Arturo é em Abril

A Cabanha Don Arturo, de Porto Alegre, promoverá nos dias 18 e 19 de abril o 2º Redomão Dom Arturo. Uma prova de doma que dará dois carros zero quilômetro de premiação, além de prêmios até o 10º colocado. A primeira edição do evento aconteceu em 2014 em Guaíba e foi vencida por  Aloísio Perez, montando Sol e Sombra Chimarrão. Ao todo participaram do evento mais de 60 conjuntos. Segundo Júnior Chileno, organizador da prova, as inscrições já estão abertas e a revisão dos animais deve iniciar no começo de março.

A prova acontece na sede da cabanha, no Bairro Lami, em Porto Alegre. As inscrições podem ser feitas pelo telefone 98437667.

A essência do Rio Grande fotos

A 15ª edição da revista Imagens Gaúchas já está disponível nas bancas e para download em tablets e smartphones.  Esta edição marca o aniversário da revista fotográfica, que chega aos cinco anos de atividade sendo a publicação que mais divulga a cultura do Rio Grande do Sul pelo mundo.

O aplicativo da Imagens Gaúchas possibilitou que a revista ganhasse alcance mundial, com downloads em mais de 70 países. A publicação é uma das pioneiras no Brasil com esta tecnologia e já possui mais de 12 mil downloads, 55 mil leituras e mais de 480 mil páginas lidas.

Na edição de aniversários os leitores terão acesso à mais de 150 fotografias. A reportagem especial conta um pouco da história da revista, mas podem-se ler ainda reportagens sobre as cabanhas Esplendor, Santa Goretti, Marca de Herança e Cabanha da Lagoa. Além de reportagem sobre o ciclo do Freio de Ouro e um ensaio especial com prendas e cavalos crioulos.

Como baixar

Os downloads são gratuitos e podem ser feitos em qualquer parte do mundo, pois a revista está disponível nas principais lojas de aplicativos, GooglePlay, APPstore e Amazon Store. No site www.imagensgauchas.com.br também é possível baixar o aplicativo, basta clicar nos ícones dos sistemas operacionais no início da página.

A bela e o beijo

Como um final dos melhores filmes românticos de Hollywood, a 2ª Exposição Morfológica de Encruzilhada do Sul, neste sábado, encerrou com um beijo do criador Joner Frederico Kern, na égua Marconi Justiça, escolhida melhor exemplar da raça da exposição. A chuva fina complementou o ambiente para uma belíssima imagem captada pelo fotógrafo Marcus Tatsch.

Marconi Justiça vence em Encruzilhada

O Núcleo Encruzilhadense de Criadores de Cavalos Crioulos realizou uma Exposição Morfológica, no sábado (18/10). A prova foi realizada no município de Encruzilhada do Sul/RS e contou com a presença de 42 animais confirmados.

O julgamento dos animais e a distribuição das escarapelas ficaram por conta de Gustavo Weiand. O jurado consagrou a campeã potranca menor, Marconi Justiça, como Melhor Exemplar da Raça e Grande Campeã entre as fêmeas. Enquanto entre os machos a roseta mais alta foi para o potranco menor Impulso 1468 Maufer. A supervisão técnica ficou a cargo do profissional credenciado pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Manoel Pons Neto.

 

Confira o resultado (ainda não homologado pela ABCCC):

Fêmeas

Melhor Exemplar da Raça – Grande Campeã – Campeã Potranca Menor

Marconi Justiça, filha de Damasco da Ouro Branco e Marconi Dragona; criador Alexandre Espindola Araújo e expositor Joner Frederico Kern, Cabanha Duas Meninas, Arroio do Meio/RS

Reservada Grande Campeã – Campeã Potranca Maior

Hija Guapa 1272 Maufer, filha de Pirai 1569 do Brazão e Rinha de Santa Thereza; criadores e expositores Maurício e Fernando Lampert Weiand, Cabanha Maufer, Cruzeiro do Sul/RS

3ª Melhor Fêmea – Campeã Égua Prenhez

Flor de Tuna 1085 Maufer, filha de Mananero Jalisco e Gaita do Mata-Olho; criadores e expositores Maurício e Fernando Lampert Weiand, Cabanha Maufer, Cruzeiro do Sul/RS

4ª Melhor Fêmea – Campeã Égua com Cria

VV uma Vez, filha de BT Delantero e VV Invejada; criador Victor Inacio Volkweis e expositor Tiago Riegel Silveira, Cabanha Dom Riegel, Encruzilhada do Sul/RS

 

Machos

Grande Campeão – Campeão Potranco Menor

Impulso 1468 Maufer, filho de Escalpo 1011 Maufer e Nochero Solterita; criadores e expositores Maurício e Fernando Lampert Weiand, Cabanha Maufer, Cruzeiro do Sul/RS

Reservado Grande Campeão – Campeão Cavalo Adulto

BT Urupé, filho de BTCara e Coroa e BT Dama das Comelias; criador Bastos Tellechea e expositor Condomínio Urupé, General Camara/RS

3º Melhor Macho – Reserva Campeão Cavalo Adulto

Coronel Sul Riograndense, filho de Chicão de Santa Odessa e Orquídea do Painel; criador e expositor Maurício Zanotelli, Cabanha Rincão de Nossa Senhora, Fantoura Xavier/RS

4º Melhor Macho – Campeão Potranco Maior

Chimango Potreador, filho de Arapan da Barauna e Lamina das Pedras Brancas; criador Heber Vega Pereira de Ávila e expositor Fernando Gimenes, Cabanha Rosa Pedra, Eldorado do Sul/RS

fonte ABCCC.

Leilão Preto no Branco é nesta sexta

O Remate Preto no Banco, organizado pela Agropecuária Burtet, acontecerá nesta sexta-feira, às 21h, na pista de remates do Sindicato Rural de Cachoeira do Sul. Estarão em oferta 45 lotes, a grande maioria fêmeas. Serão oferecidas éguas domadas, potras e éguas de cria filhas de grandes garanhões da raça crioula, como La Invernada Hornero, Chicão de Santa Odessa e Santa Elba Sinuelo. O grande destaque são quatro filhas de BT Lamborguini. O remate será transmitido pelo canal Rural.

Encruzilhada tem exposição morfológica sábado

O Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos de Encruzilhada do Sul realiza no próximos sábado (18), sua segunda exposição morfológica. O evento inicia por volta das 9h, no Parque de Exposições Desidério Finamor. A prova dos crioulos integra a programação da 54º Exposição Agropecuária de Encruzilhada do Sul. As inscrições podem ser feitas pelos telefones (51) 97126136  - (51) 99533067.

ABCCC define as datas das semifinais do Freio de Ouro 2015

 

Enquanto a etapa de credenciadoras do Freio de Ouro 2015 está acontecendo, foram definidas as datas das semifinais nas cidades representantes de cada uma das oito regiões envolvidas no circuito. A primeira semifinal a ser realizada dentro do país é a decisão entre os inéditos, o Bocal de Ouro. A finalíssima entre os estreantes da modalidade ocorre entre os dias 8 e 12 de abril do próximo ano, em Esteio/RS.

Dando prosseguimento às seletivas, representando a região central do Rio Grande do Sul, Cachoeira do Sul receberá os competidores entre os dias 7 e 10 de maio de 2015. No mesmo mês, Pelotas/RS sediará a semifinal da região um entre os dias 14 e 17. Ponta Grossa/PR de 28 a 31 de maio sediará a classificatória da região 7.

No mês de Junho quatro regiões classificarão para a final do Freio de Ouro. Na região três a cidade de Santa Rosa/RS habilitará os conjuntos entre os dias 4 e 7, em seguida Caxias do Sul/RS recebe a disputa da região seis, de 11 a 14. Cruz Alta/RS, pela região quatro, realizará de 18 a21 a sua semifinal e Chapecó/SC fecha o mês de junho de classificatórias da região cinco entre os dias 25 e 28.

A região oito, que reúne os Estado além da região Sul, é a última região a receber as semifinais. As duas classificatórias abertas da temporada serão realizadas nas chamadas localidades de fomento, em uma ação de expansão do cavalo Crioulo. O Estado de São Paulo sediará a primeira etapa aberta entre os dias 9 e 12 de julho e a capital federal, Brasília, entre os dias 16 e 19.

Os locais aonde acontecerão as disputas para classificação ainda vão passar por revisões técnicas para que estejam dentro das normas exigidas e ofereçam toda a estrutura necessária para  a execução da prova.

 

Fonte : ABCCC – Karen Nunes

 

Imagens Gaúchas na Noruega

 


A revista imagens Gaúchas atravessou o atlântico e foi para num dos países mais desenvolvidos do mundo, a Noruega. Nas imagens a edição 12 da revista gaúcha foi fotografada nos fiordes da região de Laerdal. O autor das fotos é o gaúcho Fábio Ritter Marx, que está no país nórdico estudando. Segundo ele, amigos noruegueses que viram a revista ficaram impressionados com as imagens e com o Rio Grande do Sul.

Feira de Terneiros da 64ª Feapec rendeu R$ 476.470,00

A Feira de Terneiros e Vaquilhonas na 64ª Feira Agropecuária de Cachoeira do Sul, que aconteceu na noite desta quinta-feira na pista de Remate do Sindicato Rural de Cachoeira do Sul rendeu R$ 476.470,00. Foram comercializados 403 animais da raça Angus e Herefod, todos com certificação das associações de criadores. A média dos animais ficou em R$ 1.102,31 e o peso médio 255,77kg.

 

Feira de Terneiros

Total Vendido – 403 animais

Valor Total –R$ 476.470,00

Média total – R$ 1.102,31

Peso médio – 255,77kg

 

Quantidade – média

151 terneiras – R$ 984,17

74 novilhas – R$ 1.600,00

178 terneiros – R$ 1.182,31

Jogo do Osso Marupa é o melhor em Cachoeira do Sul

 

 

O cavalo Jogo do Osso Marupa, da Cabanha Niazzi, de São Gabriel foi escolhido o melhor exemplar da raça neste sábado durante a 64ª Feira Agropecuária de Cachoeira do Sul (64ª Feapec).  A cabanha Niazzi também levou o reservado de campeão dos machos, com o garanhão Niazzi Improviso. Nas fêmeas a campeã foi Macarena da Charqueada, da Cabanha Charqueada, de Vale Verde.

Melhor exemplar da Raça

Jogo do Osso Marupa – Tiago Antoniazzi – Cabanha Niazzi – São Gabriel/RS

Grande Campeão

Jogo do Osso Marupa – Tiago Antoniazzi – Cabanha Niazzi – São Gabriel/RS

Reservado de Grande Campeão

Niazzi Improviso – Tiago Antoniazzi – Cabanha Niazzi – São Gabriel/RS

Grande Campeã  

Macarena da Charqueada – Jacó Weiand – Cabanha Charqueada – Vale Verde/RS

Reservada de Grande Campeã

Razão do Sonho da Quinta – Pericles Druck – Estancia Boa Vista da Quinta – Rio Pardo/RS

Campeão Incentivo Maior Macho

Pergasus do Sr. Miguel – Rodrigo da Silva Lenz – Agropecuaria Sr. Miguel – Cachoeira do Sul/RS

Campeão Mini Incentivo Macho

Hoje Não do Rio Branco – Daniel Benemann – Cabanha Rio Branco – Cachoeira do Sul/RS 

Campeã Incentivo Maior Fêmea

Brisa do HCG – Helio da Costa Garcia e Familia – Cabanha HCG – Cachoeira do Sul/RS 

Campeã Mini Incentivo Fêmea

Havaiana do Rio Branco – Daniel Benemann – Cabanha Rio Branco – Cachoeira do Sul

Angus rende R$ 323 mil na 64ª Feapec

O 9º Remate Núcleo Centro Angus, que aconteceu no sábado, durante a 64ª Feira Agropecuária de Cachoeira do Sul (64º Feapec) rendeu R$ 323.850,00. Foram comercializados no remate 39 animais, sendo 31 touros, três fêmeas PC e cinco fêmeas PO. O rendimento do remate foi considerado excelente pelos organizadores da Feapec, que ressaltaram a grande qualidade dos animais, responsável por superar a marca do leilão de 2013, quando foram comercializados R$ 279.000,00. A média dos touros vendidos foi de R$ 9.387,10. As fêmeas PC tiveram uma média de R$ 3.000,00 e as PO, média de R$ 4.770,00.
Valor 2014 R$ 323.850,00
Valor 2013 R$ 279.000,00
Médias
31 touros R$ 9.387,10
3 Femeas PC R$ 3.000,00
5 Fêmeas PO R$ 4.770,00